Sainte Anne d’Auray, uma visita inesquecível na França

Vista da basílica de St Anne d'Auray, na França, dedicada a Santa Ana - foto: Viagens de Fé

Vista da basílica de St Anne d’Auray, na França, dedicada a Santa Ana

 

A pequena Sainte Anne d’Auray, na região da Bretanha, é uma visita inesquecível para quem curte turismo religioso fazer em uma viagem à França, um destino de turismo religioso que merece ser descoberto pelos brasileiros.

Principal atração da cidadezinha de pouco mais de 2.600 habitantes, a Basílica de Sainte Anne d’Auray é um dos principais destinos de turismo religioso da França e marca o local onde se deu a única aparição reconhecida de Santa Ana, mãe de Nossa Senhora.

 

A aparição de Santa Ana

 

Fonte que marca o lugar da primeira aparição de Santa Ana a Yves Nicolazic, no santuário de Sainte Anne d'Auray, na França - foto Viagens de Fé

Fonte que marca o lugar da primeira aparição de Santa Ana a Yves Nicolazic,

Em um vilarejo conhecido então como Ker Anna (“a vila de Ana” no dialeto bretão), o piedoso agricultor Yves Nicolazic levava seus bois de volta para casa quando viu uma bela senhora junto a uma fonte.Ela lhe sorriu mas não disse nada.

LEIA TAMBÉM:  Abadia do Mont Saint Michel, uma visita imperdível

A mesma senhora voltou a aparecer para ele em diversas outras vezes, ainda sem dizer nada. Perturbado, Yves consultou o padre local, que aconselhou que ele perguntasse à senhora quem ela era.

No dia 25 de julho de 1624, ela voltou a aparecer e respondeu à pergunta no dialeto dele: “Eu sou Ana, mãe de Maria. Deus quer que eu seja honrada aqui“.

No dia seguinte, dia da festa de Santa Ana, ao voltar para casa no começo da noite, Yves viu uma chama ardendo num local onde havia ruinas de uma antiga capela.

Interior do santuário de Sainte Anne d'Auray, na Franã - foto Viagens de Fé

Detalhe do Interior do santuário

 

A chama voltou a aparecer diversas outras vezes e foi vista por outras pessoas. Atraídos pela chama, Yves e seus vizinhos começou a cavar e encontraram uma imagem de Santa Ana. Em pouco tempo todas as pessoas do vilarejo sabiam do acontecido e faziam filas para ver a imagem.

LEIA TAMBÉM:  Conheça o Circuito das Abadias da Normandia, na França

Mais tarde, a notícia se espalhou pela região e chegou ao conhecimento do bispo de Vannes, que depois de uma investigação, autorizou a construção de uma capela em honra a Santa Ana para abrigar a imagem, que passou a atrair peregrinos da Bretanha e de toda a França.

Não tardou para que fosse preciso construir uma igreja maior, depois elevada a basílica e mais tarde a santuário. Inúmeros relatos de graças alcançadas fizeram do local um dos maiores centros de peregrinação da França.

 

O santuário

 

Altar principal do santuário de Sainte Anne d'Auray - foto Viagens de Fé

O altar principal tem relíquias de diversos santos

 
Placa em pilar na basílica de Sainte Anne d'Auray mostra onde a imagem foi encontrada - foto Viagens de Fé

Placa em pilar na basílica mostra onde a imagem foi encontrada

A basílica atual foi construída entre 1865 e 1872. No seu bonito interior há diversos detalhes que merecem atenção, como a placa em um dos pilares próximos do altar principal que marca o local onde a imagem de Santa Ana foi encontrada no dia 7 de março de 1625.

No altar principal estão expostas as reliquias de santos doadas pelos reis Anne da Austria e Luis XIII em ação de graças após o nascimento do seu filho, o que viria a se tornar Luis XIV.

Relíquias de Santa Ana no santuário de Sainte Anne d'Auray, na França - foto Viagens de Fé

Relíquias de Santa Ana

Um relicário especial abriga diversas relíquias  de Santa Ana, doadas por reis da França.

Sainte Anne d’Auray tem grande importância para os militares franceses, que se habituaram a visitar o santuário antes de partir para o combate e para dar graças ao voltar para casa. Uma das peregrinações tradicionais ao santuário é a dos ex-combatentes.

Um dos altares laterais é decorado com medalhas militares e um memorial na área externa honra a memória dos tombados em combate na Primeira Guerra Mundial.

Altar com imagem de Santa Ana decorado com medalhas militares em Sainte Anne dAuray, na Bretanha, França. - foto Viagens de Fé

Altar com imagem de Santa Ana decorado com medalhas militares

 

Refletindo importância do santuário para os franceses, o Papa João Paulo II o visitou em setembro de 1996 e celebrou uma missa para centenas de milhares de peregrinos na sua área externa, hoje batizada de Espaço João Paulo II.

LEIA TAMBÉM:  França, destino de uma viagem inesquecível

 

Outros destaques no santuário

 

Fonte – Fica em frente à basílica e marca o local da primeira aparição de Santa Ana a Yves Nicolazic. A estátua é a única do santuário que mostra Santa Ana sem a Virgem Maria. (veja imagem acima)

Museu – No bem montado museu do santuário, localizado no primeiro andar do claustro, estão expostas muitas peças interessantes, de objetos litúrgicos e  imagens religiosas a ex-votos dos mais diversos tipos.

LEIA TAMBÉM:  Catedral de Chartres, louvor a Maria em luz e cor

 

Scala Sancta, no santuário de Sainte Anne d'Auray, na França - foto Viagens de Fé

Scala Sancta, antiga entrada do santuário

Scala Sancta – Construída em 1662, a “escada santa” foi a porta de entrada do santuário até 1870. Os peregrinos ainda costumam subir e descer seus degraus de joelhos, meditando sobre os mistérios da Paixão de Jesus.

Memorial de guerra no santuário de Sainte Anne d'Auray - foto Viagens de Fé

Memorial aos mortos

Memorial – Construído depois da Primeira Guerra Mundial para lembrar os mais de 240 mil bretãos vitimados pelo conflito. Suas parede têm gravadas a Via Sacra e o nome de oito mil dessas vítimas. Hoje as celebrações ao ar livre costumam acontecer em torno dele.

Escola de música e artes sacras – Se dedica à formação de músicos e especialistas, bem como à preservação de técnicas relativas a tradicionais instrumentos musicais bretãos.

 

As principais festas do santuário de Sainte Anne d’Auray costumam ser realizadas nos dias 25 e 26 de junho. saiba mais consultando o site www.sainteanne-sanctuaire.com.

 

A Viagens de Fé visitou Chartres a convite da Atout France

 

Leia outras matérias sobre o turismo religioso na França:

Catedral de Chartres, louvor a Maria em luz e cor

Abadia do Mont Saint Michel, uma visita imperdível

Conheça o Circuito das Abadias da Normandia, na França

França oferece ampla opção de destinos de turismo religioso

França, destino de uma viagem inesquecível

 

 

 

Não deixe de ler também:

Comente esta matéria

O seu endereço de e-mail não será publicado!