Teleférico ligando Santuário ao Morro do Cruzeiro é nova atração de Aparecida

Bondinho liga o Morro do Cruzeiro e o Santuário Nacional em Aparecida, maiior destino de turismo religioso do Brasil

Os passageiros do teleférico desfrutam de visão privilegiada do Santuário Nacional

 

Mesmo já sendo o maior destino de turismo religioso do Brasil, Aparecida não se acomoda e continua investindo para oferecer uma estrutura cada vez melhor e mais completa para acolher os quase doze milhões de peregrinos que a visitam a cada ano.

A mais recente foi um teleférico ligando o Santuário Nacional de Nossa Senhora da Conceição Aparecida ao Morro do Cruzeiro, do outro lado da Via Dutra e uma tradicional atração da cidade.

Batizada oficialmente de “Bondinhos Aéreos”, a nova atração é resultado da parceria entre o Santuário Nacional e a empresa Bontur Bondinhos Aéreos, com o apoio da  Prefeitura Municipal de Aparecida e da Câmara de Vereadores da cidade, que aprovaram o projeto.

O projeto demandou um ano e meio de trabalho e investimento de aproximadamente R$19 milhões, valor que ficou inteiramente sob responsabilidade da Bontur, que já opera um teleférico similiar em outro destino religioso, o Santuário de Santa Paulina, em Nova Trento, SC.

 

Bondinho da Fé

Já apelidado de “Bondinho da Fé”, a nova atração já mostrou desde antes de começar a operar o potencial para atrair a atenção dos visitantes que passam pelo Santuário Nacional para visitar a “Mãe Aparecida”.

Segundo o Santuário Nacional, o projeto tem como objetivo principal facilitar o deslocamento dos peregrinos até o topo do Morro do Cruzeiro com conforto e segurança, além oferecer mais uma opção de lazer aos peregrinos e visitantes.

Para a Prefeitura de Aparecida, ele faz parte de um plano com objetivo de mudar a característica do turismo na cidade, criando atrações e  atividades que estimulem os visitantes permanecer mais tempo na cidade.

O projeto ainda deve aumentar a acessibilidade ao Morro do Cruzeiro, um dos principais pontos turísticos da cidade, beneficiando pessoas idosas e com dificuldade de locomoção.

LEIA TAMBÉM:  Turismo religioso: viagens de fé e devocão

 

Bindos Aéreos, nova atração de turismo religioso em Aparecida, SP

Mesmo antes de chegar ao Morro do Cruzeiro o teleférico já permite ver todo o complexo do Santuáriol

 

Em detalhes

O novo teleférico foi importado da Suiça e oferece 47 cabines com espaço para seis pessoas cada uma, com capacidade de atender até 1,5 mil usuários por hora. Cinco das cabines são especialmente projetadas para transportar visitantes com cadeira de rodas.

O trecho tem extensão aproximada de 1.170 metros sobre a cidade e a Rodovia Presidente Dutra, vencendo um desnível de 115 metros, numa viagem de 5 a 8 minutos de duração, dependendo do movimento de passageiros.

O projeto obedece às mais modernas especificações internacionais de segurança.  As cabines são fechadas e dotadas de vidros de segurança, grades de proteção etravas para prevenir abertura acidental das portas. O equipamento do teleférico inclui até geradores diesel para permitir o desembarque em segurança de todos os passageiros em caso de falta de energia elétrica.

 

Bondinho da Fé, nova atração de turismo religioso no Santuário Nacional de Aparecida, SP

O trajeto até o Morro do Cruzeiro atravessa a Via Dutra a cerca de 40 metros de altura

 

Como funciona

Os embarques e desembarques são realizados tanto na Estação Santuário, situada junto na Basílica Nova, como também na Estação Cruzeiro, no Morro do Cruzeiro, onde estão localizadas as 14 estações da Via-Sacra.

Além do translado de Bondinho, os peregrinos podem visitar também o Mirante do Cruzeiro, uma torre de 30 metros de altura, dotada de dois elevadores panorâmicos e com um mirante envidraçado no topo, permitindo vista panorâmica do Santuário Nacional e toda a região vizinha.

O teleférico funciona diariamente entre as 8h00 e as 17h30 e os ingressos serão vendidos nas duas estações. O preço para adultos é de R$ 10,00 por trecho, sendo que menores de 6 anos não pagam e crianças de 6 a 11 anos e idosos acima de 60 anos pagam só meio ingresso.

LEIA TAMBÉM:  Imbituba investe em estátua de Santa Paulina para atrair turismo religioso

 

Confira mais informações lendo o artigo Como chegar a Aparecida, que explica todas as opções para ir de São Paulo a Aparecida.

 

 

Não deixe de ler também:

Comente esta matéria

O seu endereço de e-mail não será publicado!