Perú é opção de destino diferente para celebrações da Semana Santa

Celebrações da Semana Santa em Ayacucho, no Perú

Quem procura uma opção diferente de destino para passar o período da Semana Santa vai encontrar no Perú uma opção muito importante, que alia tradição e fervor a uma viagem que pode ser feita em pouco tempo e a um câmbio razoavelmente favorável.

As celebrações da Semana Santa nas diversas regiões do Peru são reflexo de séculos de miscigenação cultural e religiosa, refletindo o encontro do mundo andino com as tradições católicas, com resultados muito interessantes.

Cusco

 

procissão-senor-de-los-temblores-custo-peru ok

Procissão de Señor de Los Temblores, em Cusco

Procissão de Señor de Los Temblores, em Cusco

Imagem do Señor de Los Temblores decorada com pétalas de ñucchu

Em Cusco,  no sul do Perú, a procissão do Señor de los Temblores (Senhor dos Tremores), o Cristo de cor morena, que é acompanhado por mais de 20 mil pessoas pela Praça das Armas e ruas adjacentes na Segunda-Feira Santa (21 de Março).

Das varandas e sacadas das casas são jogadas pétalas de ñucchu (planta de cor vermelha, comum na região). A veneração ao também conhecido como “Taytacha de los Temblores” teve início quando, em Março de 1650, um terremoto destruiu a cidade de Cuscoe a imagem de Cristo foi colocada na porta da Catedral da cidade para proteger de abalos sísmicos. Em 2007, a Festa do Señor de los Temblores foi declarada como Patrimônio Cultural da Nação.

Na Quinta-Feira Santa (24 de Março), é realizada a Missa da Ceia do Senhor e Adoração ao Santíssimo Sacramento na Catedral. Neste dia a população realiza um tour por sete igrejas.

Na Sexta-Feira da Paixão (25 de Março) sai em procissão, da Basílica Menor de la Merced, o Santo Sepulcro, que é a figura do Cristo morto dentro de uma urna e que é acompanhado pela imagem da Virgem Dolorosa. Milhares de fiéis seguem o percurso pelas principais ruas de Cusco.

LEIA TAMBÉM:  Canção Nova celebra Dia dos Pais com evento sertanejo

Na Quinta e na Sexta-Feira Santa, os cusquenhos mantém a tradição de preparar e saborear em suas casas e em festivais gastronômicos 12 famosos pratos típicos, assim como doces tradicionais, em rememoração da Última Ceia. Esta é uma oportunidade para a região mostrar o melhor de sua vasta gastronomia.

Igreja e Convento de Santo Domingo y Koricancha em Cusco, Peru

Igreja e Convento de Santo Domingo y Koricancha em Cusco

Em Cusco e arredores estão localizadas diversas igrejas que compõem a Rota do Barroco, como a Basílica Catedral de Cusco, o Templo de la Compañía de Jesús, a Iglesia de San Pedro Apóstol de Andahuaylillas (conhecida como a “Capela Sistina dos Andes”), Iglesia de San Juan Bautista de Huaro e a Capilla de la Virgen de la Candelaria de Canincunca, todas de beleza impressionante.

Ayacucho

Procissão do Cristo Ressuscitado durante a Semana Santa em Ayacucho, no Perú

Procissão do Cristo Ressuscitado durante a Semana Santa em Ayacucho

Em Ayacucho,  a “Capital do Artesanato do Peru”, ocorre um dos acontecimentos mais impactantes dos Andes, tamanha a mobilização de fiéis. A cidade é famosa por suas 33 igrejas coloniais e na Semana Santa recebe impressionantes procissões, que começam na Sexta-Feira, quando será relembrada a Paixão de Cristo, e seguem até o Domingo da Ressurreição, com uma enorme caminhada pelo centro da cidade, completamente iluminado.

Tarma 

Tapetes nas procissões da Semana Santa em Tarma

Tapetes de flores nas procissões da Semana Santa em Tarma

Nos Andes centrais do Peru está Tarma (região de Junín), famosa pelas suas paisagens e pelos deslumbrantes tapetes de flores que cobrem as ruas da cidade durante a Semana Santa.

Agricultores de mais de 60 comunidades trabalhem para oferecer as flores que dão vida à celebração.

 

Comente esta matéria

O seu endereço de e-mail não será publicado!